Publicado por: David Bemfica | 06/12/2010

Homens e mulheres não mecanizados, vocês não estão sozinhos

As escolhas ainda podem ser feitas

Vivemos hoje um limite obscuro no (des)envolvimento da sociedade. A alienação e domínio dos grupos dominantes da sociedade global (corporações, máfias, governos, bancos e grupos de mídia) chegou a um ponto insuportável para as pessoas minimanente centradas e atentas.

Mas a esperança e o otimisto, a confiança e a fé em tempos de sanidade, respeito e bom senso entre os cidadãos globais é crescente. Pelo menos entre os sobreviventes.

No fim de semana tive a feliz descoberta de que não estamos, de forma alguma, sozinhos. O time dos despertos é grande e cada vez mais pulsante e pujante. E vem crescendo há muito tempo. Veja o que dizia o psicólogo Eric Fromm…

“Um espectro, a quem poucos veem com clareza, nos espreita. Não é o velho fantasma do comunismo ou do fascismo. É um novo espectro: uma sociedade completamente mecanizada, dedicada a máxima produção e consumo materiais e dirigida por computadores; e, nesse processo social, o próprio homem está sendo transformado numa parte da máquina total, bem alimentado, distraído, porém passsivo, não-vivo e com pouco sentimento.

Com a vitória da nova sociedade, individualismo e o isolamento terão desaparecido; os sentimentos em relação aos outros serão dirigidos por condicionamento psicológico e outros artifícios, ou por drogas que também servem a uma nova experiência introspectiva”.

Erich Fromm (A Revolução da Esperança – Por uma tecnologia humanizada, 1968).

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: